igreja enfrentacrisena Venezuela

 Participe do Grupo no Facebook e acompanhe as publicações
Seguidores do Evangelho
Grupo do Facebook · 3 membros
Participar do grupo
Seguidores do Evangelho Grupo para compartilhamento das mensagens do Evangelho de Jesus a todos...
 

 

 

Igrejas na Venezuela estão incapazes de ajudar a população com alimentos

 

Ajuda humanitária do exterior não está sendo aceita pelo governo.

Venezuela:

Uma das crises humanitárias mais grande no país desde 2014, afetou o país com escassez de alimentos, remédios e utensílios básicos.

A Organização Internacional de direitos humanos advertem que a situação no país é muito grave. Segundo ela, a catástrofe sofre uma dimensão incalculáveis já causa fome e desnutrição.

As igrejas evangélicas não escapam desta crise. Com esses problemas, há cada vez menos pessoas cristãs frequentando os salões.

Ao mesmo tempo, há muitas organizações internacionais dispostas a ajudar os venezuelanos na remessa de remédios e alimentos em grandes escalas. Mas estão encontrando grandes dificuldades impostas pelo governo.

O Brasil tem sido um dos locais escolhidos pelos venezuelanos para muitos que deixam o país. Aqueles que ficam precisam vencer a fome, a doença e a falta de recursos. A venda de alimentos é racionada, e alguns itens como açúcar e papel higiênico, desapareceram dos mercados.

Além disso, a redução drástica das unidades de abastecimento de água, eletricidade e transportes dificulta as pessoas de saírem de casa.

Segundo o Vice Ministro de política do Interior e Segurança jurídica, existem 15.017 igrejas evangélicas no país. Os católicos são maioria, contam com 247 igrejas e 93 fundações de caridade.

Segundo informações, o cenário religioso está ameaçado, e o governo tem por tendência se abrir mais para o Islã, como parceiros do governo de Maduro, o Irã e Turquia.

Mesmo assim a igreja, como instituição exigiu que o governo nacional tome outras medidas econômicas necessárias e abra canal humanitário antes que mais vidas sejam perdidas.

Os venezuelanos cristãos intensificaram as orações a Deus para mudar a situação.

 

Que tal nós, iniciarmos juntamente orando para a situação constrangedora que passam nossos amigos e irmãos vizinhos? Estejamos juntos nesse momento difícil, faça o que você puder por esta causa humanitária. Em Cristo estamos unidos!!